Mindfulness

Mindfulness 2018-07-04T08:33:28+00:00

O que é Mindfulness?

As práticas clínicas contemporâneas, principalmente a psicologia e medicina, têm integrado cada vez mais as práticas ditas contemplativas ou meditativas, como é o caso das técnicas e práticas de “Mindfulness” (“Meditação Mindfulness”), aos tratamentos de saúde mental e promoção de qualidade de vida.

A descrição mais utilizada de Mindfulness, traduzido como “Atenção Plena” ou “Consciência Plena”, é de Kabat-Zinn, responsável pela ocidentalização desta prática na saúde por meio de seu programa Redução do Estresse Baseada em Mindfulness (MBSR), e se refere a um modo específico de prestar atenção: intencionalmente, no momento presente e sem julgamento. Vale ressaltar que Mindfulness pode designar um estado mental, um traço psicológico ou as próprias práticas de meditativas.

“Mindfulness é a simplicidade em si mesmo. Trata-se de parar e estar presente. Isso é tudo.” (Kabat-zinn, 1990).

Simples, mas não fácil. Vivemos em um período de excessivos estímulos que nos fazem inconscientes, ligados no piloto automático, insensíveis ao que se passa no nosso mundo interior e às pequenas coisas do momento presente e que realmente trazem felicidade, por exemplo, o sorriso de uma criança ou o pôr do sol. Por isso, nesses programas, o convite é para se “experimentar” e vivenciar o momento presente. Para isso, são utilizadas algumas “âncoras” para a observação consciente, como a própria respiração, ou as sensações e movimentos corporais, por exemplo. São atividades presenciais com um instrutor e atividades à distância, combinando técnicas simples e de fácil aplicação em nosso dia-a-dia.

Como mindfulness pode ajudar:

  1. Reconhecer os próprios padrões de pesamento e humor.
  2. Aprender a estar presente e a apreciar os pequenos prazeres da vida cotidiana.
  3. Interromper a espiral descendente que pode emergir de mau humor.
  4. Desativar a ruminação de memórias dolorosas.
  5. Mudar a maneira de lidar com as emoções difíceis.

Eficácia e efetividade

A eficácia e a efetividade das intervenções baseadas em mindfulness (IBMs) para a promoção da saúde têm sido estudadas e comprovadas em uma variedade de populações, incluindo pessoas com diagnósticos de câncer, ansiedade, depressão, estresse, dores crônicas, cardiopatias, entre outros. Também funciona muito bem em indivíduos considerados saudáveis, mas com níveis elevados de estresse.

Nas últimas décadas o interesse científico e popular por Mindfulness tem crescido significativamente.

Sua eficácia e efetividade levou instituições governamentais, por exemplo, o Instituto Nacional de Excelência Clínica (NHS-UK) a apoiar e recomendar as Intervenções Baseadas em Mindfulness e a Terapia Cognitiva Baseada em Mindfulness (MBCT) para prevenção de recaída de pacientes com depressão nos serviços do Sistema Nacional de Saúde britânico (NICE). Além disso, reconhecidas diretrizes de saúde mental, como é o caso da Canadian Network for Mood and Anxiety Treatments (CANMAT) recomendam a MBCT como tratamento psicológico de manutenção de primeira linha para o Transtorno Depressivo Maior (TDM).

  • O National Institute for Clinical Excellence (NICE) sugeriu que MBCT deve ser o tratamento prioritário para prevenção de recaída do Transtorno Depressivo Maior (TDM).

Read More

  • MBCT apresenta resultados positivos permanentes em termos de recaída ou recorrência, sintomas depressivos residuais e qualidade de vida comparados com antidepressivos.

The Lancet 2015; 386: 63–73 Published Online April 21, 2015 Read More

  • MBCT apresenta eficácia como um tratamento para a prevenção da recaída para pacientes com depressão recorrente, particularmente aqueles com sintomas residuais mais pronunciados.

JAMA Psychiatry. Published online April 27, 2016. doi:10.1001/jamapsychiatry.2016.0076

Profissionais que podem oferecer programas baseados em Mindfulness

Para oferecerem atendimento individual ou programas em grupo baseados em Mindfulness, os profissionais qualificados passam por extensivo treinamento. O treinamento envolve a prática pessoal comprovada, cursos de formação e qualificação, grupos experimentais, bem como supervisão. No Brasil, podem ser encontradas informações sobre estes programas, instrutores qualificados, bem como um Manual de Boas Práticas, em uma rede de mindfulness congregada no site:

Read More